Buscar
  • Sérgio Martins

Karina Buhr: "É um momento de preocupação e incertezas"


Karina Buhr é sangue nos olhos. Uma intérprete visceral, que sabe como poucas fazer uma combinação de sua extensa bagagem de música regional com gêneros contemporâneos. Foi assim no Comadre Fulozinha, banda que formou nos anos 90, e em todas as performances que eu pude acompanhar. Uma das minhas melhores memórias foi a participação dela no VEJA Música, no qual cantou duas faixas de Eu Menti pra Você (2010), seu primeiro disco solo, e covers geniais de Elvis Presley e Luiz Melodia. Karina também é uma pessoa de opiniões e experiências fortes, como mostra em seus textos nas redes sociais e publicações como Continente, revista na qual é colunista. Em 2019 ela lançou Desmanche, a trilha sonora desse estranho 2020: um disco de combate, de resistência e protesto, no qual as programações eletrônicas têm uma pegada quase punk.

Com vocês, Karina Buhr em Canções do Confinamento.




O que você anda escutando nesse período tão estranho para todos nós? Maria Bethânia, Ednardo, Junior Murvin, Max B.O...


Você ainda encontra inspiração para produzir ou tem se dedicado a outras atividades? Não estou num momento de produzir, mas de executar o que produzi intensamente antes, o disco Desmanche. Tinham várias shows marcados, ia tocar pela primeira vez no México e tudo foi interrompido. Também acabei de estrear como atriz em cinema, no filme Meu Nome é Bagdá, de Caru Alvez Souza, na Berlinale desse ano. O momento era de expectativa de quando seria lançado aqui e trabalhar nisso. Pra mim é hora de cortar as realizações e não de pensar em criar ou aproveitar esse tempo pra compor.



Você acha que esse período pelo qual estamos passando irá afetar a tua maneira de compor? Acho que somos afetados por tudo o que nos acontece e que vemos acontecer ao redor todos os dias. De que forma isso vai acontecer não tenho a menor ideia. É um momento de muita preocupação e incertezas, sem shows até sabe-se lá quando.



52 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

É a maior